Atropelamentos crônicos – até quando ?

Quantos cidadãos atropelados voce viu nas vias urbanas de sua cidade ?…eu já vi muitos, pois as vias urbanas são o meu local de trabalho – o local onde conquisto a minha honra…o local onde as autoridades esquecem de suas competências estabelecidas pelo código de trânsiro Brasileiro : fazer das vias urbanas um local seguro para a circulação de veículos e pedestres.

Infelizmente não é assím que acontece…e, então, por negligência  das autoridades com circunscrição sobre a via,  por facilitar a imprudência do pedestre, quando há mecanismo de todos os generos para que os impeça  de cometer uma imprudência, como atravessar uma via de trânsito rápido, em curva, para acessar um ponto de onibus,  pessoas morrem…( do que afirmo, eu sustento, em toda e qualquer instância ).

http://transito.3242709.n2.nabble.com/Atropelamentos-cronicos-1-td4507841.html#a4507841

Informativo deste blog : atualização em andamento…

Enquanto reorganizo algumas informações ( são centenas de fotos e dezenas de vídeos ) sobre as ações pontuais da atual secretaria municipal de transportes – da prefeitura da cidade do Rio de Janeiro-, como também das falhas que esta secretaria ainda permite que se perpetuem nas vias urbanas ( coisas do legado do ex-prefeito – obviamente com ífem ), eis um passatempo para os que aguardam estas postagens :

novo fórum’, do ‘SOS TRÂNSITO URBANO’

http://n2.nabble.com/SOS-TRÂNSITO-URBANO-f3184341.html

Tempus dominus rationis est ( 001 )

Este foi o título da postagem do dia 06 de novembro de 2008, no “Blog aberto” ao futuro Prefeito da Cidade Maravilhosa – Tempus dominus rationis est ( 001 )

- endereçada ao email publico do atual prefeito da cidade maravilhosa.

 

É notório que:

Um novo secretário municipal de transportes precisa de “tempo” para escolher e adaptar uma nova equipe ( se houver ); Um novo secretário municipal de transportes precisa de “tempo” para implantar ( ou tentar ) inovações no sistema viário de uma cidade; Um novo secretário municipal de transportes precisa de “tempo” para saber se “os testes” para implantação de “um novo sistema de sinalização semafórica“, que tenha como prioridade a “garantia de um e vir seguro do cidadão“, terá resultado benéfico para “os contribuintes”; Um novo secretário municipal de transportes precisa de “tempo” para verificar “SE ANTIGA” SINALIZAÇÃO HORIZONTAL E VERTICAL DE UMA GRANDE METRÓPOLE, que estará sob sua circunscrição, está adequada as regras de segurança no trânsito, para que então se estabeleça as regras para as modificações necessárias; Um novo secretário municipal de transportes precisa de “tempo” para averiguar e analisar as informações das condições de segurança <- para os “bons” condutores e pedestres – > nos pontos críticos de acidentes de trânsito ( que outrora tenha recebido de seu antecessor, e sua equipe, apenas a implantação de fiscalização eletrônica – com o caráter de “educar os “maus” condutores” < href=”http://pt.wikipedia.org/wiki/Cesar_maia“> “Cesar Epitácio Maia” – atual “chefe” do poder executivo municipal na cidade do Rio de Janeiro -, ouvida e lida nos telejornais e jornais – como uma das justificativas para a implantação deste tipo de fiscalização > ), visando dar garantias aos “bons” condutores e pedestres – inclusive os bons condutores que tem sido “reeducados” ultimamente com muitas multas, e os pedestres que insitem em atravessar vias de trânsito rápido, e, ou, vias com alto índice de acidentes e atropelamentos, incluindo as já citadas, às vistas de “câmeras’ operadoras de trânsito… “Vai ser dureza”! Vai ser um “recomeçar do zero” em segurança no trânsito, para um patamar de competência e novas tecnologias – cobradas durante a gestão do atual prefeito, suas secretarias com circunscrição sobre a via e a equipe de engenharia de sinalização viária < incluindo denúncia ao MPRJ – http://sostransitourbano.blogspot.com/2007/05/ao-mprj-parte-final.html>, efetuada por este que aquí escreve. “Tempus dominus rationis est” – “O tempo não pára”, cantarolava um jovem poeta < O JOVEM “CAZUZA” – 1958/1990 > nos idos dos anos oitenta (’80), enquanto a tecnologia avançava, e o século XXI batia à porta anunciando os “anos dois mil” ( 2000 ) – primeira década do século . No próximo ano, o termo “anos dois mil” acaba, em 31 de dezembro de 2009 – haverá até lá “tempo” para que a “tecnologia de ponta” implantada nos radares e pardais, por toda a cidade maravilhosa, seja substituida, com inteligência, capacidade de análise e coragem ( atributos delegados aos “bons” líderes ), por tecnologia de sinalização semafórica de última geração ( serve até penúltima ou ante- penúltima, considerando o material “obsoleto” nas vias urbanas da cidade que tem uma das “novas sete maravilhas do mundo” ), visando agilizar o fluxo de veículos e a redução dos altos índices de acidentes de trânsito – equipamentos dentro deste contexto já existem em cidades vizinhas da cidade maravilhosa < href=”http://brbuda.blogspot.com/2008/06/fwd-bom-dia-prefeito-semforo.html”&gt; mais fotos >. “Tempus dominus rationis est” ( “O tempo é o senhor da razão!” ) Os anos dois mil estão indo embora. Se a cidade maravilhosa ganhará pontos em qualidade de vida nos “quesitos” trânsito e transportes ( infraestrutra de ponta ) até o final dos anos “dois mil”, somente o tempo dirá , pois “o tempo não pára“, e, este mesmo tempo será o Senhor da Razão.

Nota: – sobre as afirmações nesta postagem há arquivos de e-mails, matérias jornalísticas, fotos e vídeos, como também cópias de assuntos relevantes sobre o sistema viário, entregues ao MPRJ -em setembro de 2006 . O último contato do MPRJ com este cidadão foi a dois meses, em setembro de 2008. assunto : mais fotos. postagens “embrionárias” : ver postagem anterior Respeitosamente, Ronaldo’Buda Nota: Ronaldo’Buda é o “alter-ego/virtual” de “Ronaldo da Silva Alves” – 48 anos; casado; motorista de taxi ( desde 1997 ) – um cidadão natural/morador/eleitor do município do Rio de Janeiro ; nascido em 02/09/1960 ; nº da inscrição do título de eleitor: 0031 0727 0329 ; zona: 205 ; seção: 0065 ) http://sostransitourbano.blogspot.com/ – ( 2006 – uma tentativa de sensibilizar os organísmos de trânsito, quanto aos acidentes ); http://bomdiaprefeito.blogspot.com/ – ( 2007 – solicitações de melhorias viárias direcionadas , via blog, ao Prefeito da cidade maravilhosa); Declaração Universal dos Direitos Humanos Artigo XIX “Todo homem tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferências, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e idéias por quaisquer meios independentemente de fronteiras”. [ Organização das Nações Unidas, Paris, 10 de dezembro de 1948 ]

esta é a foto que acomphava a postagem : http://2.bp.blogspot.com/__Hvi3wLQpa0/SRMlzn1Ky-I/AAAAAAAARfQ/UFws3pKqwNc/s1600-h/CIMG1668-786430.JPG

semáfor inteligente - com contador

 

******************************  assím terminava o texto da postagem no ‘blog aberto ao futuro prefeito’ – que hoje é o atual prefeito da ciade de São Sebastiaão do Rio de Janeiro ****************************

Portanto, depois de passados quatro meses desta nova administração municipal, com uma nova equipe na pasta  da secretaria municipal de transportes ( organísmo excutivo municipal de trânsito ), está na hora deste blog começar a verificar, analizar, e articular, com base no código de trânsito Brasileiro, sobre as melhorias implantadas, irregularidades que se perpetuam, ou deficiciências de engenharia de trânsito,  porque  o ‘tempo é o senhor da razão’.

Uma avenida chamada Brasil – manguinhos na chuva do dia 18 03 09

Uma avenida chamada Brasil – manguinhos, na chuva do dia 18 de março de 2009

as água de março sempre fecham o verão…mas o poder publico desconsidera os transtornos causados à população que precisa utilizar as vias urbanas em seus veículos, particulares ou à serviço, como também aqueles que dependem do transporte rodoviário – não esquecendo o stress que isto causa aos motoristas rodoiários *-* neste video há cenas de como fica esta via federal , administrada pelo poder executivo do municipio do rio de janeiro, uma via chamada avenida Brasil rio de janeiro 18 de março de 2009.

 

A agúlha de manguinhos – Um legado no trânsito – 004 ( postagem em série – parte 9)

Sobre o absurdo 04 da postagem em série  ( ver primeira postagem )

a agúlha de manguinhos – ainda em janeiro de 2008 – antes das obras

 

– parte 001

 

– parte – 002

 

e, em janeiro de 2009,

 

após as obras realizadas no 2º semestre de 2008 – ainda serão postadas muitas fotos da obra – como também a informação , via email, via blog, para o exprefeito, Senhor Cesar epitácio Maia, informando-Lhe sobre este absurdo, e, muitas perguntas ao atual prefeito sobre esta obra, que invadiu a atual gestão municipal sem estar cocluída, ou seja, mais legado de Cesar Maia que se eterniza pelas vias.

ps. o que será que falta para concluir a obra prometida pela gestão Cesar Maia  antes das eleições municipais de 2008?…o que será?… com certeza, nenhum jornal desta cidade irá publicar o que ‘foi prometido’, até que este blog informe. Aguardem!

A agúlha de manguinhos – Um legado no trânsito – 004 ( postagem em série – parte 1 – essa vai longe)

sobre o absurdo 04 da postagem em série  ( ver primeira postagem ) Engarrafamento na pista lateral da Avenida Brasil, na altura de Manguinhos, sentido Bonsucesso, causado pelo ponto de ônibus existente no local (sem abrigo para chuva), onde uma “AGULHA” de saída da pista lateral para a Central contribui para afunilar o tráfego no local, pois a mesma “INVADE “ muito a pista lateral, e em dias chuvosos causa acidentes.

Este é um dos  ’10 absurdos no trânsito‘ que mais me dediquei em fotografar em 2007 e 2008 – e, continuo em 2009.

A  informação deste absurdo no trânsito de uma grande metrópole, a cidade maravilhosa, numa via federal – administrada pelo municipio-, foi enviado, em 11 de junlho de 2007, ao exprefeito ( nova ortografia ) da cidade maravilhosa, o Exmo. Senhor Cesar Epitácio Maia, via blog ‘Bom dia, Prefeito!’ – que o mesmo respondia e, ou, reencaminhava algumas postagens para secretários municipais de transportes  e obras-,  e, de lá para cá muita água rolou… – muitos acidentes, congestionamentos  e engarrafamentos aconteceram no local…e, então,  no final do primeiro semestre de 2008, às vésperas das eleições municipais,  uma obra no local começou…

Há muito o que mostrar, questionar e cobrar, sobre este absurdo ( hoje amenizado pela obra – que modificou o sentido da agúlha  ).

Na continuação, com textos, fotos e vídeos,  das próximas postagens em série, de um legado no trânsito – 004 ( dividido em partes  ),  teremos aquí bons motivos para perguntar :  quem fiscaliza as ações de implantações de sinalização viária e equipamentos  da engenharia de trânsito ?…quem fiscaliza as  obras da secretaria municipal de obras?…

Enquanto aguardam – tenham paciencia como eu tive – prometo cenas de descaso, incompetência e negligência-, deixo aquí alguns exemplos :

 

- Os dez absurdos : a agúlha da avenida Brasil em Manguinhos

O natal de 2008 e a lei seca – tomo 002

  Rio de janeiro, 30 de dezembro de 2008. Na cidade maravilhosa, milhares de cidadãos sepreparam para a virada 2008/09. Muitos  estarão  nas ruas, circulando de um lado para o outro , e do outro para outros tantos.  Muitos esatrão em seus veículos, muitos em transportes de massa, onibus , trens, metro, e, como também em veículos de transportes alternativo e em veículos de transportes exclusivo, como os taxis. Muitos outros estarão fazendo longas caminhadas à pé para chegar nos locais de grandes queima de fogos, como nas praias da zona sul, e, mais específicamente a praia de copacabana , a princesinha do mar.  Algumas prais como já fôra anunciado , não terão queima de fogos este ano, como é o caso da praia do flamengo – estive lá no ano passado e a queima de fogos foi surpreendente.  Será um fato automático os cidadãos que veríam a queima de fogos no flamengo ( e são muitos ) se dirigirem `a praia de copacabana… Eu me questiono, estarão as autoridades, depois de muitos anos, preparadas para administrar com segurança a circulação extra de milhares de  pedestres  que  se locomoverão para copacabana à pé, proveniente dos bairros próximos , como botafogo, flamengo, catete, glória , lapa – pessoas que veríam a queima no flamengo ? …estarão??? Bem , enquanto o ‘reveillon’ não chega, vamos observar nas fotos como a prefeitura , a secretaria municipal de transportes e a cet-rio, trabalham para manter a ‘imagem de um trânsito seguro – com campanha educativa na contra-mão do fluxo e pedestres atravessando via com alto índice de acidentes e atropelamentos ,  de frente para dois pólos geradores de tráfego,  dois  shopping centeres, um na avenida Das Américas e outro na avenida Ayrton Senna na Barra da tijuca, na cidade maravilhosa.

 

- volto amanhã  ( vou trabalhar `a noite ).

Ronaldo’Buda

Sobre a Lei seca, ou quando calar é aceitar…

placa no atero do Flamengo - indicando o indice de acidentes no local

placa no atero do Flamengo - indicando o índice de acidentes no local

 

 

( tomo 1 – sobre a lei federal nº 11.705/08 – ou Lei Seca )

Meu Caro blog

Da maneira que está sendo empurrada “goela à baixo” do cidadão Brasileiro ( sem plebiscito ou no mínimo um referendo – e por que não?.. ), a lei n°11.705/08, está soando mais como um “factóide” , do que verdadeiramente como um trabalho de pesquisa e análise, amparado e baseado em informações técnicas fornecidas pelos…”brats” ( veja abaixo análise  realizada pela  gerência de informação de tráfego – GIT < setor da CET-RIO responsável pelos indicadores de trânsito da cidade do Rio de Janeiro >) .  É isto mesmo! Toda e qualquer estatística de acidente de trânsito baseia-se, ampara-se e informa-se excencialmente nos “brats” – boletins de registros de ocorrência -, que devemos nós , cidadãos,  confiar que os dados de um acidente registrados nestes brats  são uma versão fiel e inquestionável, contendo todos os dados consistentes  e basilares para  gerar informações  sobre tudo que ocorreu num determinado acidente, tudo que possa ter contribuido como causa para este acidente, e, que posteriormente serão utilizados em registros estatísticos de acidentes de trânsito. 

Infelizmente, em minha opinião, está havendo um  redirecionamento de responsabilidade, atribuição e competência, do organísmo executivo de trânsito municipal ( leia-se secretarias municipal de transportes  ), para o cidadão, o condutor e o pedestre. Vejo que não demonstram, esta secretaria e a prefeitura do rio, competência para implantar todos e quaisquer recursos de “última geração tecnológica” para transformar as rodovias, estradas e vias urbanas mais seguras, garantido assím o  ir e vir seguro do cidadão ( como determina o CTB – Código de Trãnsito Brasileiro ) , e, que,  não se evidencia implantação de medidas e e  capacidade de análise para equacionar “os ‘porquês’ dos altos índices de acidentes nos “mesmos dias da semana e locais” – onde se constata vítimas fatais que não tomaram uma gota sequer de bebida alcoólica ( grupo este superior ao “outro” nas estatísticas de acidentes de trânsito );  portanto, em meu conceito [ que sustento ] é mais fácil apontar a seta para o “bêbado social” – que vai pagar uma multa e poderá áté ser preso, dependendo da gravidade do teor álcoílico, sem se envolver num acidente de fato, como aqueles condutores que poderão ser ‘flagrados em blitzem’ .

E, tem mais, ‘meu Caro Blog’, quem vai multar ou ‘retirar das estradas e rodovias’ os ‘pedestres bêbados’ -  as maiores  vítimas fatais dos atropelamentos -, para que os bons condutores, ’sóbrios‘, não se envolvam em acidentes com estes ‘tipo’ pedestres ? Quem???

Na cidade maravilhosa , entre a zona sul e o centro da cidade, existe uma via, com velocidade máxima de 90 km/hora, em determinado trecho esta velocidade é de 70 km/hora, ou seja é uma via de trânsito rápido, com quatro faixas de rolamento nos dois sentidos, seu nome é Av. Infante D. Henrique, mais conhecida como aterro do Flamengo – porque passa por um trecho da cidade que foi aterrado, onde há o parque do Flmanego. Em toda a via encontram-se placas sinalizadoras de limite de velocidade, como também há algumas passarelas e passagens subterrâneas para pedestres que se dirijam à praia ou ao parque para o lazer.

Porém tanto no trecho de 90 km/hora quanto no trecho de 70 km/hora, ambos com radares, há alto índice de atropelamentos, em muitos casos fatais. O trecho em que mais ocorrem estes atropelamentos, é na enseada de Botafogo,   onde a velocidade maxima é de 70 km/hora – onde uma placa  instalada pelo detran-rj e a  prefeitura do rio, em outubro de 2007, informa  quantos acidentes ( um total de 12), incluindo os com vítimas fatais ( total de 01),  houveram na via ( dados da placa é de abril de 2007 -  porém até outubro/2007 o total foi de 03 vítimas fatais  - que não consta na placa – ainda no local ).  Justamente neste  trecho onde foi colocada a placa  há ponto de onibus,  onde trabalhadores de diversas empresas e um shopping da região (  Botafogo ) precisam pegar onibus que fazem trajeto pela via em questão – é notório que a passagem subterrânea e uma passarela proximas do ponto de onibus são negligenciadas por dezenas destes pedetres diariamente.

Portanto, é óbvio, falta alguma coisa no local, que ainda não foi implantada,  para se reduzir verdadeiramente os ríscos de atropelamentos, e acidentes entre veículos, causados por freadas bruscas ou mudança de direção repentina de condutores,  para evitar um  atropelamento.

( continua…)

 

 

para pesquisar:
Um novo modelo para o Brat – boletim de registro de acidente de trânsito – do Rio de Janeiro < http://www.rio.rj.gov.br/smtr/smtr/text_bratanpet%202001.htm > ;
Interseções críticas da zona sul da cidade do rio de Janeiro -< http://www.rio.rj.gov.br/smtr/smtr/download/text_anpet2002.doc > ;
Vias Seguras – Tópico sobre acidentes – < http://www.vias-seguras.com/index.php/os_acidentes > ;
Denatran – < http://www.denatran.gov.br/ultimas/20080206_alteracaoctb.htm > ;
Detran – RJ < http://www.detran.rj.gov.br/_documento.asp?cod=1484 > ;
SMTR – Secretaria Municipal de Transportes – RJ – < http://www.rio.rj.gov.br/smtr/> .